SP retoma vacinação de gestantes com comorbidades na segunda-feira

Imunização ocorrerá com CoronaVac, e vale também para puérperas

Publicado em 12/05/2021 - 21:41 Por Eliane Gonçalves - Repórter da Rádio Nacional - São Paulo

A Secretaria de Saúde de São Paulo anunciou a retomada da vacinação de gestantes com comorbidades e as mulheres que acabaram de dar à luz, as puérperas, a partir da próxima segunda-feira (17).

A vacinação foi suspensa nessa terça-feira pelo Ministério da Saúde, depois de identificado caso de trombose em gestantes que tomaram a vacina da Oxford/AstraZeneca.

Agora a vacinação no estado de São Paulo vai ser retomada apenas com a CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan.

Apesar da vacinação com a AstraZeneca seguir suspensa, o secretário de Saúde do estado, Jean Gorinchteyn, lembrou que as reações adversas são raras e muito menos perigosas que a própria covid-19.

Podem tomar a vacina gestantes e puérperas com mais de 18 anos e que tenham comorbidades. Gestantes precisam apresentar o cartão de acompanhamento do pré-natal ou laudo médico.

E para as puérperas que tiveram bebê a menos de 45 dias, basta apresentar a declaração de nascimento do bebê. A estimativa é que de que 100 mil mulheres sejam vacinadas.

O governo também anunciou que a partir do dia 21 de maio começa a vacinação das pessoas com comorbidades entre 45 e 49 anos de idade. A estimativa é vacinar mais de 670 mil pessoas em todo o estado.

Para facilitar o acesso da população às vacinas, a partir dessa quinta-feira vão ser abertos postos de vacinação nas estações de trem, metrô e ônibus na Região Metropolitana São Paulo. Ao todo serão seis postos de vacinação. Três em estações da companhia de trens metropolitanos, dois em estações da linha vermelha do metrô e um em uma estação de ônibus.

Edição: Raquel Mariano/ Sumaia Villela

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Ministério de Direitos Humanos lança campanha contra trabalho infantil

12 de junho é o Dia Internacional e Nacional de Combate ao Trabalho Infantil. No Brasil, é ilegal qualquer tipo de trabalho realizado por crianças ou adolescentes com menos de 16 anos, independentemente da finalidade ou remuneração.

Baixar arquivo
Geral

Criminoso mais procurado do Rio é morto em ação da Polícia Civil

A Polícia Civil do Rio de Janeiro capturou neste sábado (12) Wellington da Silva Braga, conhecido como Ecko, chefe da maior milícia em atividade do

Baixar arquivo
Esportes

Seleção venezuelana confirma 12 casos positivos para covid-19

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou que foi notificada pela Confederação Sul-americana de Futebol, a Conmebol, nessa sexta-feira (12), de que 12 integrantes da seleção venezuelana de futebol, entre

Baixar arquivo
Geral

Queiroga diz que todos os brasileiros devem ser vacinados este ano

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assegurou neste sábado (12), que todos os brasileiros com mais de 18 anos deverão estar vacinados contra a covid-19 até o final deste ano.

Baixar arquivo
Geral

Cristo Redentor é iluminado de vermelho contra trabalho infantil

O monumento ao Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, vai ser iluminado com a cor vermelha a partir das 18 horas deste sábado (12).

Baixar arquivo
Geral

Políticos repercutem a morte de Marco Maciel, aos 80 anos

Morreu neste sábado (12), o ex-vice-presidente da República Marco Maciel, aos 80 anos, em Brasília.

O político, nascido em Pernambuco, esteve no cargo entre 1995 e 2002, eleito junto com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Ele era filiado ao PFL, hoje DEM.

Baixar arquivo