Agência Mundial Antidoping se diz decepcionada com COI por não banir Rússia

A entidade havia recomendado o banimento de todos os atletas russos,

Publicado em 25/07/2016 - 09:53 Por Vinícius Lisboa - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

rio2016_banner

 

A Agência Mundial Antidoping (Wada) publicou uma nota ontem (24) em que se diz decepcionada com a decisão do Comitê Olímpico Internacional (COI) de não vetar os atletas do Comitê Olímpico da Rússia nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A entidade havia recomendado, no último dia 18, que todos os atletas russos fossem barrados, após um relatório apontar envolvimento de membros do governo em um esquema para burlar o controle de dopagem em competições anteriores.

A decisão do COI pede que as federações internacionais de cada esporte avaliem se aceitam ou não a inscrição dos atletas russos. Na nota, a Wada afirma que reconhece a opção do COI e se coloca à disposição das federações para ajudar na escolha de atletas.

Argumentação

"A Wada está decepcionada que o COI não tenha seguido as recomendações de seu Comitê Executivo, que eram baseadas nas descobertas da Investigação McLaren e teriam assegurado uma abordagem harmônica, forte e direta", diz o presidente da entidade, Craig Reedie, referindo-se à investigação conduzida pelo especialista Richard McLaren, com base em denúncias do ex-diretor do laboratório acreditado pela Wada em Moscou, Grigory Rodchenkov.

Para o diretor geral da Wada, Oliver Niggli, a abordagem definida pelo COI "inevitavelmente levará a uma falta de harmonização, potenciais desafios e menos proteção aos atletas limpos".

A Wada afirma, na nota, que estendeu o mandato do especialista para que ele possa finalizar as investigações, que foram realizadas em 57 dias e produziram um relatório parcial.

A decisão do COI não muda o banimento da equipe russa de atletismo, que teve casos de doping confirmados e foi proibida de competir pela Federação Internacional de Atletismo.

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
sala de aula
Educação

UFRJ transfere para o dia 24 o início do período letivo remoto

Período letivo da UFRJ está suspenso desde 16 de março por causa da pandemia. Com o adiamento do início do período letivo, o término passou de 31 de outubro para 14 de novembro.

Cúpula da bomba atômica durante cerimônia para marcar o 75º aniversário do bombardeio atômico em Hiroshima.
Geral

Hiroshima: primeiro ataque com bomba atômica completa 75 anos

Hiroshima foi destruída após o primeiro ataque nuclear da história durante a Segunda Guerra Mundial. Três dias depois os Estados Unidos bombardearam Nagazaki.

.facebook
Internacional

Facebook remove postagem de Trump por desinformação sobre covid-19

Porta-voz do Facebook diz que vídeo postado inclui afirmações falsas, o que é uma violação de sua política sobre desinformações prejudiciais.

Polícia Federal genérica
Geral

PF cumpre 6 mandados de prisão contra fraudes em contratações na saúde

Alvos são empresários e agentes públicos suspeitos de fazer contratações irregulares para serviços na área da saúde. Três pessoas já foram presas, segundo a Polícia Federal.

Teste rápido de COVID-19
Internacional

Coreia do Norte: 1º caso suspeito de covid-19 teve teste inconclusivo

Se confirmado, o caso seria o primeiro oficialmente reconhecido por autoridades norte-coreanas, embora a mídia reafirme que nenhuma infecção foi relatada no país até agora.

Incêndios florestais no DF
Geral

Defesa Civil reconhece situação de emergência em municípios de MS

Medida publicada hoje em portaria no Diário Oficial da União inclui os municípios de Corumbá e Ladário. Incêndios florestais atingem algumas regiões de Mato Grosso do Sul.