INSS antecipa pagamento de um salário mínimo de auxílio-doença

Medida terá duração máxima de três meses

Publicado em 07/04/2020 - 08:56 Por Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil - Brasília

O Diário Oficial da União traz portaria que disciplina a antecipação de um salário mínimo mensal ao requerente de auxílio-doença ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Segundo a portaria, a antecipação será devida a partir da data de início do benefício e terá duração máxima de três meses.

Enquanto perdurar o regime de plantão reduzido de atendimento nas agências da Previdência Social, os requerimentos de auxílio-doença poderão ser comprovados com atestado médico.

Para requerer o auxílio-doença, o cidadão deve anexar o atestado ao requerimento por meio do site ou aplicativo Meu INSS. Será necessário apresentar declaração de responsabilidade pelo documento. O atestado deverá estar legível e sem rasuras; conter a assinatura do profissional emitente e carimbo de identificação, com registro do conselho de classe; conter as informações sobre a doença ou Classificação Internacional de Doenças (CID); e conter o prazo estimado de repouso necessário.

“A emissão ou a apresentação de atestado falso ou que contenha informação falsa configura crime de falsidade documental e sujeitará os responsáveis às sanções penais e ao ressarcimento dos valores indevidamente recebidos”, diz a portaria.

Prorrogação

O beneficiário poderá requerer a prorrogação da antecipação do auxílio-doença, com base no prazo de afastamento da atividade informado no atestado médico anterior ou mediante apresentação de novo atestado médico.

O beneficiário será submetido à realização de perícia, após o término do regime de plantão reduzido de atendimento nas agências da Previdência Social: quando o período de afastamento da atividade, incluídos os pedidos de prorrogação, ultrapassar o prazo máximo de três meses; para fins de conversão da antecipação em concessão definitiva do auxílio-doença; quando não for possível conceder a antecipação do auxílio-doença com base no atestado médico por falta de cumprimento dos requisitos exigidos.

Edição: Valéria Aguiar

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Bola, campeonato brasileiro
Esportes

Treze avança e garante clássico de Campina Grande na final paraibana

Galo da Borborema vence Botafogo no tempo normal e nas penalidades, e se garante na grande final da competição.

chape criciuma
Esportes

Chapecoense e Brusque se classificam para final do Catarinense

Verdão superou Criciúma na disputa de pênaltis, enquanto Quadricolor passou por Juventus com empate sem gols.

bahia x alagoinhas
Esportes

Baiano: Alagoinhas segura empate com Bahia no primeiro jogo da final

Desta forma, futuro campeão do estadual permanece totalmente indefinido. E tudo será decidido apenas no próximo sábado.

santa cruz x salgueiro
Esportes

Salgueiro faz história, bate Santa Cruz e leva título pernambucano

Pela primeira vez desde sua primeira edição, em 1915, o Campeonato Pernambucano tem um campeão de fora da capital Recife, o Carcará.

BELO HORIZONTE / MINAS GERAIS / BRASIL 05.08.2020 jogo entre América x Atlético no Estádio Independência pelo Campeonato Mineiro 2020 - Fotos: Bruno Cantini / Agência Galo / Atlético
Esportes

Mineiro: Atlético derrota América e está na final

Réver, Marrony e Savarino marcam no triunfo de 3 a 0. Tombense é o adversário do Galo na grande decisão.

O jogador Patrick de Paula, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Ederson, da SC Corinthians P, durante partida válida pela final, ida, do Campeonato Paulista, Série A1, na Arena Corinthians. (Foto: Cesar Greco)
Esportes

Corinthians e Palmeiras abrem final do Paulista com empate sem gols

Timão teve as melhores chances, mas parou em defesas de Weverton. Decisão fica aberta para partida de volta, no sábado (8), às 16h30 (horário de Brasília).