Últimas notícias parto normal

Grávida
Saúde

Hospital diminui número de cesáreas com inclusão de doula e obstetriz

A incorporação de novos profissionais e a mudança nas escalas de trabalho na área obstétrica e neonatal do Hospital de Fornecedores de Cana (HFC) de Piracicaba, no interior do estado de São Paulo, foram algumas das medidas que contribuíram para a redução do número de cesáreas (de 70% do total para 40%) e para a melhoria do atendimento às pacientes e aos recém-nascidos na unidade. As mudanças na rotina do hospital fazem parte de um projeto de extensão da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).
Rio de Janeiro - Famílias realizam ato pela humanização do parto em frente à maternidade Maria Amélia Buarque de Hollanda (HMMA), no centro da cidade, para chamar atenção para a humanização do parto e apoiar profissionais de saúde e
Saúde

Campanha da ANS reforça importância do parto normal

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) lançou uma nova edição da campanha de mobilização para sensibilizar os planos de saúde, os médicos e as gestantes sobre a importância do parto normal e do respeito às fases da gestação, reforçando que a tomada de decisão nesse mome

 IMPRESSÕES (28/10- segunda) Érica de Paula
Geral

TV Brasil entrevista educadora sobre realidade obstétrica no Brasil

Um dos nomes mais conhecidos no Brasil na luta pelo parto humanizado, a doula e educadora perinatal Érica de Paula chama a atenção para os números do país: mais da metade dos partos é de cesariana, enquanto o recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) é de 15% e na re

Geral

Seguradora vai dar R$ 2 mil para bebês que nascerem na virada do ano

Os bebês que nascerem de parto normal nas primeiras duas horas de 2019 vão receber um plano de previdência com R$ 2.019 investidos.

grávidas, cesáreas, CFM, nova regra
Saúde

ANS faz campanha para evitar antecipação dos partos durante fim de ano

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) em parceria com o Hospital Israelita Albert Einstein e o Institute for Healthcare Improvement (IHI) lançaram, na última semana, a campanha “A hora do bebê: Pelo direito de nascer no tempo certo”, que tem como objetivo incentivar o parto normal e conscientizar as futuras mães e toda a rede de atenção obstétrica sobre os riscos da realização de cesáreas sem indicação clínica.