Justiça impede irmãos Batistas de votarem em dois itens em assembleia da JBS

Publicado em 31/08/2017 - 22:52 Por Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Uma decisão da Justiça Federal em São Paulo impede que os representantes da família Batista votem plenamente na Assembleia Geral Extraordinária da JBS, marcada para esta sexta-feira (1º). O juiz Hong Kou Hen, da 8ª Vara Federal, concedeu liminar declarando impedimento do voto dos acionistas controladores da empresa em dois dos cinco itens da pauta.

A informação foi divulgada em nota, no início da noite desta quinta-feira (31) pela assessoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O pedido havia sido feito pela BNDESPAR, subsidiária de participações do BNDES, e pela Caixa Econômica Federal. Ambos, somados, são detentores de 26,2% das ações da JBS.

Os dois itens vedados ao voto são referentes a medidas para a responsabilização dos gestores por prejuízos causados à empresa e de autorização da companhia para indenizar e manter indenes (ilesos) seus administradores. Após a Operação Carne Fraca e a delação dos irmãos Josley e Wesley Batista contra o presidente Michel Temer, o grupo amargou prejuízo bilionário, com forte queda de suas ações e necessidade de vender outras empresas da família.

O juiz considerou haver conflito de interesses e citou o Artigo 115 da Lei das Sociedades Anônimas: “Considerar-se-á abusivo o voto exercido com o fim de causar dano à companhia ou a outros acionistas, ou de obter, para si ou para outrem, vantagem a que não faz jus e de que resulte, ou possa resultar, prejuízo para a companhia ou para outros acionistas”.

Procurada, por meio de sua assessoria, a Grupo J&F, controlador da JBS, informou que não tem conhecimento do teor da decisão. “Tão logo a empresa seja intimada, irá analisar e tomará as medidas legais cabíveis”, se pronunciou em nota.

 

Edição: Fábio Massalli

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Doleiro Dario Messer
Justiça

Doleiro Dario Messer fecha acordo judicial e vai devolver R$ 1 bilhão

De acordo com a força-tarefa da Lava Jato no Rio, o acordo permitirá a coleta de provas para investigações em andamento. Messer é suspeito de lavagem de dinheiro.

Medicamentos
Geral

Polícia apreende R$ 1 milhão em medicamentos desviados da rede pública

Foram apreendidas cerca de 800 caixas de remédio, muitos vencidos. Os agentes prenderam um homem acusado de integrar a quadrilha especializada neste tipo de crime.

Testes para detecção do Covid-19
Saúde

Covid-19: Brasil tem 104 mil mortes e 3,16 milhões de casos acumulados

Boletim do Ministério da Saúde revela que 2.309.477 pessoas se recuperaram da covid-19 desde o começo da pandemia. 

psg neymar
Esportes

PSG vence Atalanta no fim e vai à semifinal da Liga dos Campeões

Brasileiro Neymar tem atuação decisiva, participando diretamente dos dois gols da equipe da capital francesa.

Geral

PF fecha dois bingos clandestinos no centro do Rio de Janeiro

Em um dos endereços, localizado na zona portuária, foram apreendidas 30 máquinas caça níqueis. Em outro local, na Cinelândia, foram apreendidas outras 24 máquinas.

O presidente Jair Bolsonaro faz  declaração à imprensa na área externa do Palácio da Alvorada
Política

Bolsonaro, Maia e Alcolumbre defendem teto de gastos em pronunciamento

"Resolvemos, então, com essa reunião, direcionar mais ainda nossas forças para o bem comum daquilo que todos nós defendemos", disse o presidente Jair Bolsonaro.