Quilombolas do Maranhão obtêm selo para vender polpa no mercado formal

Publicado en 03/06/2022 - 17:12 Por Gabriel Corrêa - Repórter da Rádio Nacional - São Luís (MA)

Foram dez anos de espera, mas a Comunidade Quilombola de São José dos Portugueses, localizada no noroeste do Maranhão, é a primeira produtora de polpa do estado; e a segunda do país, a obter autorização do Ministério da Agricultura para vender no mercado formal.

Isso quer dizer que agora a comunidade quilombola maranhense poderá oferecer os produtos não só para o mercado, mas também para programas como o PNAE – que é o Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Pelo menos 30 famílias estão diretamente envolvidas no projeto e esse número pode ser ampliado para 170.  

A ação também é importante para a oferta de alimentos agroecológicos para a população da região, uma das mais pobres do país, como explica a presidente da Associação, Raimunda Nascimento e Coelho.

A comunidade fica na região do Alto Turi, que tem um dos mais baixos índices de renda e educação do país. De acordo com Silvana Bastos, assessora técnica do Instituto Sociedade, População e Natureza, acredita que o registro pode trazer benefícios ambientais, sociais e econômicos.

A região onde a comunidade quilombola está localizada é muito rica em diferentes espécies de frutas, como açaí, bacuri, abacaxi, murici, cupuaçu, goiaba, buriti, entre outras. A produção de polpa pode chegar inicialmente a 115 toneladas por ano. Apesar desse potencial, hoje grande parte das polpas ainda vêm do estado vizinho, Pará.

Edición: Nádia Faggiani / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Política

RJ: Vereadores cassam mandato de Gabriel Monteiro por quebra de decoro

Monteiro foi julgado por quebra do decoro parlamentar, por três motivos: encenação com uma menor de idade em um shopping, agressão contra um morador de rua convidado para a encenação de um roubo na Lapa e relação sexual gravada em vídeo com uma menor de idade, que posteriormente teve as imagens vazadas na internet.

Baixar arquivo
Justicia

No STF termina o julgamento da nova Lei de Improbidade Administrativa

O Supremo Tribunal Federal decidiu que a nova Lei de Improbidade Administrativa é válida para todos os processos em andamento. Inclusive aqueles abertos antes de ela entrar em vigor, em outubro do ano passado.

Baixar arquivo
Política

Candidatos à presidência fazem campanha em São Paulo e Minas Gerais

A Rádio Nacional acompanha as agendas dos cinco candidatos à Presidência da República mais bem posicionados na mais recente pesquisa de intenções de voto registrada no Tribunal Superior Eleitoral. E traz os detalhes em ordem alfabética.

Baixar arquivo
General

Anatel autoriza 5G no Rio, Palmas, Florianópolis e Vitória no dia 22/8

A Anatel autorizou, nesta quinta-feira, as operadoras de telefonia a ligarem o 5G no Rio de Janeiro, Palmas, Florianópolis e Vitória a partir da próxima segunda-feira, dia 22 de agosto.

Baixar arquivo
Deportes

Minas Quad vence Campeonato Brasileiro de Rugby de Cadeiras de Rodas

Além de definir a melhor equipe brasileira da temporada, os nomes dos atletas que vão disputar uma das 12 vagas na seleção brasileira para disputar o Mundial também foram escolhidos nessa quarta-feira.

Baixar arquivo
General

Cade condena empresas por cartel de gás de cozinha no Nordeste

As multas para as três empresas somam mais de R$ 640 milhões. De acordo com a condenação, divulgada nesta semana, 11 pessoas físicas também devem pagar multas que ultrapassam R$ 1,9 milhão.

Baixar arquivo