Esgrima: Bruno Pekelman é destaque nacional na Copa do Mundo de Sabre

Além dele, Garrigós e Pezzi também conseguiram importantes vitórias

Publicado em 11/03/2021 - 13:40 Por Juliano Justo - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional - São Paulo

Nesta quinta-feira (11), no primeiro dia da Copa do Mundo de Sabre, em Budapeste, na Hungria, o destaque brasileiro foi Bruno Pekelman. Na primeira competição internacional de esgrima após o início da pandemia, ele jogou a pule 13, vencendo dois confrontos. O primeiro contra o tcheco Krystof Cacek e depois derrotou o polonês Marcin Lipinski. O brasileiro avançou da fase na posição 109 e caiu nas preliminares de 128. O algoz foi o italiano Matteo Neri (número 89 do ranking mundial) por 15 a 4.

Pekelman será o representante do Brasil no Pré-Olímpico do Panamá no sabre masculino. “Jogou muito bem nas pules classificatórias. Bem eficiente e bom trabalho de pernas. Não demonstrou muito nervosismo nesta fase. Contra o italiano, não apresentou o mesmo trabalho ofensivo, ficando à mercê dos ataques rápidos do rival e na defensiva não conseguiu apresentar seu jogo”, analisou o mestre Régis Trois à equipe de imprensa da Confederação Brasileira da modalidade.

Outro brasileiro na disputa, Enrico Pezzi escorregou no penúltimo combate e sofreu uma lesão na parte posterior da coxa, o que o prejudicou na disputa por vaga. Embora não tenha conseguido passar de fase, obteve duas vitórias na pule 5. Venceu o tcheco Sasa Srp e o polonês Mateusz Knez. O brasileiro fechou na posição 162, a apenas nove de se classificar. “O Enrico iniciou bem a pule. Empreendeu um jogo mais ofensivo, tendo necessidade de acertar o trabalho de pernas, muito grande e sem ritmo no início”, disse Trois ainda à assessoria da Confederação.

Henrique Garrigós teve desempenho bem parecido. Na pule 22, bateu o espanhol Andres Caballero e o grego Marios Giakoumatos. “Ele estava nervoso ao iniciar seus primeiros combates, fazendo com que levasse alguns toques bobos, que, normalmente, não leva. Após a correção, voltou ao seu jogo ofensivo com mais eficiência, acertando o trabalho de pernas”, comentou o Trois.

Finalmente, o jovem Matheus Becker, de apenas 16 anos, estreante em torneios mundiais adultos, não conseguiu vitórias na pule 14. “É o mais novo no grupo, em sua primeira participação em eventos desta grandeza. Demonstrou bastante apreensão em seus combates. Apesar disso, fez vários toques importantes, faltando um pouco mais de experiência e maturidade de competição internacional”, finalizou o mestre.

Meninas estreiam nesta sexta

Nesta sexta-feira (12), as meninas entram em ação. Karina Trois, Luana Pekelman e Pietra Chierigini estarão representando o Brasil no torneio individual feminino. A competição tem encerramento no domingo (14) com as disputas por equipes.

Edição: Carol Jardim

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias