Uefa e Conmebol anunciam para junho "finalíssima" Argentina x Itália

Primeira edição reunirá campeões da Europa e América do Sul

Publicado em 28/09/2021 - 16:02 Por Simon Evans - Manchester (Inglaterra)

A campeã europeia Itália enfrentará a Argentina, vencedora da Copa América, em junho de 2022, na primeira edição de uma nova partida entre os campeões da Europa e da América do Sul, anunciaram a Uefa e a Conmebol nesta terça-feira.

"O acordo acertado pelas duas organizações cobre atualmente três edições desta partida entre os respectivos vencedores continentais", disse a Uefa em um comunicado.

O local da partida não foi divulgado, nem um título oficial para a partida, mas uma fonte disse à Reuters que ela foi batizada provisoriamente de "Finalíssima".

O anúncio veio depois que a Uefa e a Conmebol se pronunciaram fortemente contra os planos da Fifa de realizar uma Copa do Mundo bienal.

As partidas formam parte do que a Uefa chamou de uma "ampliação da cooperação" entre as duas entidades

"A organização desta partida é parte da ampliação da cooperação entre Uefa e Conmebol, que inclui especialmente o futebol feminino, o futsal e categorias juvenis, o intercâmbio de árbitros e esquemas de treinamento técnico", disse a Uefa.

Não houve menção à Fifa, que organiza competições internacionais entre confederações diferentes em várias faixas etárias, assim como a Copa do Mundo.

A Uefa também anunciou que está montando um escritório conjunto com a Conmebol em Londres que ficará encarregado de coordenar "projetos de interesse comum".

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Edifício - sede do Banco Central do Brasil no Setor Bancário Norte
Economia

Copom inicia sétima reunião do ano para definir juros básicos

Com a alta da inflação nos últimos meses, previsão das instituições financeiras é de que a Selic deve subir de 6,25% para 7,5% ao ano.