Atlético-MG e Cruzeiro empatam em clássico muito disputado

Bruno Rodrigues abre placar, mas Hulk empata com golaço de falta

Publicado em 13/02/2023 - 22:52 Por Agência Brasil - Rio de Janeiro

Atlético-MG e Cruzeiro protagonizaram um clássico muito disputado, na noite desta segunda-feira (13) no Independência válido pela 5ª rodada do Campeonato Mineiro. Em um gol que abusou da frieza, Bruno Rodrigues abriu o marcador para a Raposa, mas Hulk deixou tudo igual ao cobrar falta com maestria.

Com o 1 a 1, o Galo perdeu os 100% de aproveitamento na competição, chegando aos 13 pontos após cinco partidas e mantendo a liderança do Grupo A. Já o Cruzeiro continuou em situação incômoda no Grupo C, ocupando apenas a terceira posição com cinco pontos.

No primeiro clássico contra o Atlético-MG após garantir o retorno à Série A do Brasileiro, o Cruzeiro mostrou muitas virtudes. Uma delas foi a aplicação tática na defesa, negando espaços ao perigoso ataque do Galo. Com isso, a partida ficou muito amarrada na etapa inicial, com as equipes encontrando poucos espaços para criarem perigo.

Assim, os gols saíram apenas após o intervalo. E quem marcou primeiro foi a Raposa. Aos 16 minutos, Wesley aproveitou vacilo de Mariano para partir em velocidade pela direita e cruzar rasteiro para Bruno Rodrigues, que, com muita frieza, cortou Everson antes de bater para o fundo do gol.

Mas o Galo conta com um dos grandes nomes do atual início de temporada no Brasil, Hulk. E, aos 35 minutos, o camisa sete do Atlético-MG cobrou, com maestria, falta, a partir da ponta direita do ataque de sua equipe, para marcar um golaço.

A partir daí o clima dentro e fora de campo ficou mais tenso, com objetos sendo atirados no gramado por torcedores e jogadores protagonizando lances duros. Com isso, pouco futebol foi visto até o apito final.

Agora, tanto Cruzeiro como Atlético-MG voltam a entrar em campo pela competição no sábado de Carnaval (18). O Galo mede forças com o Patrocinense e o Cruzeiro visita o Villa Nova.

Edição: Fábio Lisboa

Últimas notícias