Traficantes de drogas são alvo da Polícia Federal no litoral do Piauí

A Operação Manzuá II apura crime de cultivo ilícito de maconha

Publicado em 04/09/2020 - 13:46 Por Karine Melo - Repórter da Agência Brasil - Brasília

Em um desdobramento da Operação Manzuá, que apurou crime de cultivo ilícito de maconha na zona rural da Ilha Grande/PI, 30 policiais federais cumpriram nesta sexta-feira (5) 5 mandados de busca e apreensão, contra um grupo de traficantes de drogas. Os mandados foram expedidos pelo juiz titular da 2ª Vara Criminal da Comarca de Parnaíba, no Piauí, para execução nas cidades de Parnaíba e Ilha Grande, e em Araioses, no Maranhão.

Presídios

O grupo , segundo as investigações, atua na região norte do estado, inclusive fornecendo drogas em presídios. Os criminosos contavam com ajuda de agentes públicos lotados em órgão estratégicos da segurança e tinham acesso a informações privilegiadas a respeito de investigações policiais, com a finalidade de dificultar a repressão dos membros da quadrilha.

Penas

Os investigados serão indiciados pelos crimes de associação para o tráfico, associação criminosa, tráfico de drogas, divulgação de dados sigilosos e outros crimes que forem identificados no decorrer do cumprimento das buscas.

A Operação foi denominada Manzuá II em referência à armadilha de captura de peixes utilizada por pescadores locais, fazendo alusão ao constante trabalho da polícia federal para prevenir e reprimir o tráfico de drogas.

Edição: Maria Claudia

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias