TCU decide que Nardes fica na relatoria das contas do governo

Publicado em 07/10/2015 - 18:51 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil - Brasília
Atualizado em 07/10/2015 - 19:47

Os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) decidem manter o ministro Augusto Nardes na relatoria das contas de 2014 do governo federal

Permanência  de  Nardes como relator  foi decidida

por unanimidadeValter Campanato/Agência Brasil

Por unanimidade, os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) decidiram, há pouco, manter o ministro Augusto Nardes na relatoria das contas de 2014 do governo federal, rejeitando o pedido apresentado segunda-feira (5)  pelo advogado-geral da União, Luís Inácio Adams.

O ministro-substituto André Luis de Carvalho pediu a palavra e manifestou “indignação” por Adams, e os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e do Planejamento, Nelson Barbosa, terem convocado uma entrevista coletiva no último domingo (4) para questionar a conduta de Nardes na relatoria, alegando que o ministro do TCU tinha antecipado seu voto.

“Devo expressar minha indignação sobre como isso foi feito. Nunca vi três ministros de Estado comparecendo num domingo a uma coletiva para atacar um ministro do TCU”, afirmou Carvalho.

No início da sessão, também por unanimidade, os ministros do TCU entenderam que não houve conduta irregular do ministro Augusto Nardes, relator do processo de análise das contas de 2014 do governo.

Agora os ministros do TCU vão iniciar o julgamento das contas do governo de 2014.

Matéria ampliada às 19h47

Edição: Nádia Franco

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias