Governo e oposição venezuelanos assinam acordo para eleições no país

Publicado em 18/10/2023 - 18:31 Por Pedro Moreira - Repórter TV Brasil - Brasília

O governo e a oposição da Venezuela assinaram um acordo para a realização das eleições presidenciais do país, que estão previstas para o segundo semestre do ano que vem.

Os Estados Unidos vem prometendo suspender as sanções impostas a Caracas, se o governo Maduro adotar garantias democráticas. As partes se reuniram em Barbados, nessa terça-feira (18), após 11 meses de negociações congeladas.

Pela proposta, o pleito vai contar com observadores internacionais, como a União Europeia e as Nações Unidas. O acordo prevê que cada lado pode escolher o próprio candidato, mas não foram revistas as proibições impostas pelo governo Maduro a alguns dos principais nomes dissidentes.

Edição: Jacson Segundo / Alessandra Esteves

Últimas notícias
Geral

MST faz balanço de ocupações durante Jornada de Lutas

Como parte da Jornada Nacional de Lutas, o MST, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, realizou 24 ocupações em 11 estados brasileiros, nesta segunda-feira, mobilizando mais de 20 mil famílias sem terra.

Baixar arquivo
Economia

Aumenta o número de bares e restaurantes com prejuízos

As dívidas acumuladas fizeram 31% das empresas do Brasil funcionarem no vermelho em fevereiro.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Programa de Reforma Agrária deve incluir 300 mil famílias até 2026

Dez tipos de propriedades serão disponibilizados para os assentamentos, entre elas, imóveis rurais considerados improdutivos, pelo Incra, áreas rurais em posse de bancos e empresas públicas, terras estaduais usadas para abater dívidas com a União e áreas confiscadas por exploração de trabalho semelhante à escravidão.

Baixar arquivo
Economia

Governadores discutem renegociação de dívidas dos estados

Governadores de cinco estados se reuniram nesta segunda-feira (15) com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, para discutir o refinanciamento das dívidas estaduais.

Baixar arquivo
Economia

LDO para 2025 prevê déficit zero e salário mínimo de R$ 1.502

A previsão está na Lei de Diretrizes Orçamentárias que o Ministério do Planejamento e Orçamento entregou ao Congresso Nacional.

Baixar arquivo
Geral

Governo pede que CNJ estabeça critérios para saidinha de presos

O pedido foi encaminhado após a sanção, com vetos, da lei que reformou o instituto da saída temporária de presos em regime semiaberto, assinada na semana passada pelo presidente Lula.

Baixar arquivo