Tribunal londrino reabre processo de US$ 7 bi por desastre em Mariana

Publicado em 27/07/2021 - 21:11 Por Daniel Ito - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O Tribunal de Recursos de Londres concordou em reabrir um processo contra a mineradora anglo-australiana BHP pelo rompimento de uma barragem na cidade mineira de Mariana. A tragédia ocorreu em 2015 e provocou o maior desastre ambiental da história do Brasil.

A ação coletiva é uma das maiores em tramitação no sistema legal inglês. Um escritório de advocacia britânico representa pessoas, empresas, igrejas, organizações, municípios e povos indígenas brasileiros no processo que pode resultar em uma multa de quase sete bilhões de dólares, o equivalente a 36 bilhões de reais.

A ação foi reaberta pelo Tribunal de Recursos da capital britânica depois de ter sido suspensa em novembro passado, sob alegações de abuso processual.

A empresa BHP era uma das mineradoras do grupo Samarco, junto com a Vale - responsáveis pela Barragem de Fundão.

O rompimento, em 2015, fez com que uma enxurrada com 40 milhões de metros cúbicos de rejeitos de mineração invadissem o Rio Doce e atingissem o Oceano Atlântico.

Dezenove pessoas morreram. Mauro Marcos da Silva é um dos sobreviventes. Hoje, ele integra a Comissão de Atingidos pela Barragem de Fundão. Mauro acredita que a reabertura do processo na justiça britânica pode agilizar as ações aqui na justiça brasileira.

No Brasil, as famílias atingidas ainda lutam na justiça para serem indenizadas, seis anos após a tragédia. O prazo para fechar um acordo de indenização termina dia 2 de outubro, mas os atingidos querem a prorrogação da data por acharem que os atuais valores em discussão estão baixos.

E após a reabertura do processo em Londres, a mineradora BHP publicou um comunicado afirmando que, no entendimento dela, o caso não deveria ser julgado pela justiça do Reino Unido.

Edição: Sheily Noleto / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Saúde

Assembleia Mundial da Saúde termina neste sábado

Durante essa semana, as delegações dos países membros da Organização Mundial da Saúde discutiram estratégias globais sobre segurança alimentar, saúde bucal e pesquisa e inovação em tuberculose.

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

São Paulo recebe o 4º Festival Sesi de Robótica

O evento ocupa o pavilhão da bienal no Parque Ibirapuera e reúne estudantes de todo o país que encontraram soluções inovadoras para problemas do cotidiano.

Baixar arquivo
Cultura

São Paulo: Virada Cultural traz shows em todas as regiões da cidade

A Virada Cultural volta ao formato presencial neste sábado e domingo, na capital paulista. Depois de uma pausa de dois anos em função da pandemia, a expectativa é que as mais de 300 atrações culturais e shows atraiam cerca de dois milhões de pessoas.

Baixar arquivo
Economia

Em junho a bandeira tarifária da conta de luz vai continuar verde

A adoção da bandeira verde significa que não haverá cobrança de taxa extra adicional. A informação foi divulgada pela Aneel Agência Nacional de Energia Elétrica.

Baixar arquivo
Cultura

O médico e escritor Paulo Niemeyer Filho é o mais novo imortal na ABL

O médico e escritor Paulo Niemeyer Filho, de 70 anos, toma posse nesta sexta-feira, na Academia Brasileira de Letras.

Baixar arquivo
Saúde

Queijo com probiótico da UFMG pode ajudar com doença no intestino

Os benefícios foram comprovados em experimentos com camundongos. Agora, os pesquisadores precisam de financiamento para realizar testes com humanos. Queijo tem potencial para melhorar qualidade de vida de pessoas que têm colite ulcerativa.

Baixar arquivo