Roraima lidera ranking de focos de calor em 2024

Mais de mil focos foram registrados somente nesta semana

Publicado em 23/02/2024 - 16:45 Por Madson Euler* - repórter da Rádio Nacional - São Luís

Entre primeiro de janeiro de 2024 até essa quinta-feira (22), o estado de Roraima registrou 2.295 focos ativos de calor, detectados pelo satélite do Programa Queimadas do Inpe – o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Isso coloca o estado no primeiro lugar no ranking de focos de calor de todo país em 2024.

Para se ter uma ideia, Mato Grosso, que ocupa a segunda posição no ranking e tem mais de 4 vezes a extensão territorial de Roraima, teve este ano, até o momento, 1.398 focos.

O que preocupa é que os focos têm aumentado em Roraima. Em fevereiro, foram detectados 1.691. Desse total, mais de mil foram registrados esta semana.

O estado também tem cinco municípios com a maior quantidade de focos de queimada do país, considerando o ano de 2024: Mucajaí, Caracaraí, Rorainópolis, Amajari e Iracema.

A capital, Boa Vista, ocupa a décima posição no ranking nacional de focos de queimadas este ano. Por mais de um dia, neste mês de fevereiro, a qualidade do ar foi considerada péssima em várias regiões da capital por causa da fumaça das queimadas, segundo a Plataforma Selva, da Universidade do Estado do Amazonas.

A forte seca, que deve seguir até abril, é um dos fatores que agravam a situação. Outro fator, segundo o Corpo de Bombeiros, são os incêndios criminosos que têm início pela ação humana, sem permissão e que fogem do controle, como reforça o Coronel Anderson Carvalho, Comandante Geral do Corpo de Bombeiros de Roraima

“A estiagem, ela tem consequências, desidratação da vegetação, o aumento da temperatura, ventos fortes, isso impacta muito a nossa população. E as nossas equipes estão distribuídas em 11 municípios prioritários. Nós precisamos da população. Temos que participar tendo cuidado, não fazendo uso do fogo. É importante lembrar que o calendário de queimas foi suspenso. Não podemos fazer o uso do fogo para o manejo do solo, para uma queima de pastagem, ou um roçado. Todo e qualquer manejo do fogo poderá perder o controle”, alerta.

E foi por causa de uma queimada que fugiu ao controle, que seu Paulo que vive na zona rural de Roraima, quase perdeu tudo.  

“Eu gostaria que o pessoal tivesse mais consciência das coisas e não ateasse fogo na época de verão, para que o fogo não invadisse. Queima o que é dele e queima que é dos outros, dá prejuízo pra todo mundo. Queimou minhas cercas, só não queimou o meu barraco por causa dos meninos do Corpo de Bombeiros que estavam aqui junto comigo. Chegaram bem na hora, senão, acho que até o meu barraco tinha queimado”, lamenta.

Devido ao aumento dos incêndios florestais, o Governo de Roraima atualizou as medidas da Operação Verão Seguro, entre elas, o aumento do efetivo diário dos agentes do Corpo de Bombeiros, a suspensão de autorização de queimadas, o reforço da fiscalização e responsabilização sobre as queimadas ilegais, solicitação de apoio do Governo Federal para minimizar danos, além de uma campanha de educação ambiental.

* Com produção de Dayana Vitor

Edição: Bianca Paiva / Fran de Paula

Últimas notícias
Geral

Preso, Chiquinho Brazão fala no Conselho de Ética da Câmara por vídeo

Brazão, acusado de ser um dos mandantes do assassinato da vereadora Marielle Franco, está preso há um mês e é alvo de pedido de cassação apresentado pelo PSOL.

Baixar arquivo
Segurança

CCJ da Câmara aprova lei que permite aos estados decidirem sobre armas

Pelo projeto de lei, os estados poderiam decidir sobre a posse e o porte de armas. Parlamentares favoráveis à proposta acreditam que diferenças estaduais precisam ser respeitadas. Já os contrários, afirmam que regras sobre armas devem ser definidas por uma lei nacional. Base do governo aponta inconstitucionalidade da medida.

Baixar arquivo
Esportes

Libertadores: Flamengo e Palmeiras terão duelo contra altitude

Nesta quarta-feira (24), Flamengo vai a La Paz, na Bolívia, para enfrentar o Bolívar. E Palmeiras vai a Quito, no Equador, para encarar Independiente del Valle. 

Baixar arquivo
Cultura

Carnaval: maior festa popular agora é manifestação cultural nacional

“É colocar o carnaval do lugar de direito dele”, afirma Rita Fernandes, presidente da Sebastiana, associação de blocos de rua do Rio de Janeiro. Para ela, a lei significa mais incentivos e mais investimentos em torno da folia que leva milhões às ruas brasileiras.   

Baixar arquivo
Saúde

Brasil registra mais de 3 mil mortes por covid-19 em 2024

Infectologista fala da necessidade de se manter o reforço da vacinação em dia para evitar que as pessoas se tornem agentes de contaminação para pessoas do grupo de risco. 

Baixar arquivo
Geral

Portos e Aeroportos e Anac irão investigar morte de cão Joca em avião

O cão Joca morreu aos cuidados da Gol. Ele foi embarcado para o destino errado e ficou oito horas dentro do canil, a uma temperatura de 36°. Presidente Lula prestou homenagem ao golden retriever, usando uma gravata com cachorros.

Baixar arquivo