Últimas notícias acusados

Hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera
Geral

MP prende cinco acusados de fraudes na saúde do Rio de Janeiro

Segundo o MPRJ, o Iabas foi criado com o “falso argumento de prestar serviços públicos de saúde”, mas, na verdade, era utilizado “para o cometimento de centenas de delitos de peculato e lavagem de dinheiro”.
Comidas, saladas, peixe
Economia

MP faz operação contra empresários de alimentação no Rio

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) faz hoje (17) uma operação contra acusados de integrar uma organização criminosa responsável por fraudar valores do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Geral

Justiça nega relaxamento da prisão de acusado da morte de Marielle

A Justiça do Rio de Janeiro negou o pedido de relaxamento da prisão do ex-policial militar Élcio Queiroz, um dos acusados de participação na morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, crime ocorrido no dia 14 de março do ano passado, no bairro do Estácio

Geral

Disque-Denúncia oferece recompensa sobre paradeiro de acusados da morte de PM

O Portal dos Procurados do Disque-Denúncia divulgou hoje (28) cartaz com a recompensa de R$ 5 mil  por informações que levem à prisão de Valdenir da Silva Ramalho, o Tazinho ou TZ, de 37 anos, chefe do tráfico de drogas do Morro do Viradouro, Preventório e Cantagalo, em Niterói, região metropolitana do Rio, e de seu filho Victor de Abreu Ramalho, o Vitinho ou VT, de 19 anos. De acordo com a Justiça, Valdenir já responde pelos crimes de homicídio, organização criminosa e tráfico de drogas. Pai e filho também costumam praticar roubos a pedestres e veículos em vários pontos de Niterói. Eles são ligados à facção criminosa Comando Vermelho e já são considerados foragidos da Justiça.

Geral

Polícia faz operação para prender 43 acusados de tráfico na Baixada Fluminense

Policiais civis cumprem hoje (3) 43 mandados de prisão contra acusados de tráfico de drogas em seis comunidades da Baixada Fluminense. Segundo a Polícia Civil, os acusados atuam nas favelas de três municípios da região: Mesquita, Nilópolis e São João de Meriti.