Natação paralímpica: Brasil encerra World Series com 19 medalhas

Carol Santiago e Alan Kleber Basílio brilham com ouros no último dia

Publicado em 20/03/2023 - 17:51 Por Agência Brasil - Rio de Janeiro

O Brasil encerrou a sua participação no World Series de natação paralímpica de Sheffield (Inglaterra) com o total de 19 medalhas e o estabelecimento de cinco novos recordes mundiais. No último domingo (19), oportunidade na qual a competição foi encerrada, a equipe brasileira teve como destaques os ouros de Carol Santiago, nos 50 metros livre na classe S12 (baixa visão), e de Alan Kleber Basílio, nos 50 metros livre da classe S4 (comprometimentos físico-motores).

Já nos 100 metros borboleta classe S5 (comprometimentos físico-motores) Samuel de Oliveira brilhou nas eliminatórias. Ao cumprir a distância em 1min16s44 ele bateu o recorde mundial da prova, que pertencia ao compatriota Daniel Dias desde 2013. Na final o brasileiro ficou com o bronze com o tempo de 1min17s39.

A quarta medalha brasileira neste domingo veio com Cecília Araújo, prata nos 50 metros livre da classe S8 (comprometimentos físico-motores). Com isso, o Brasil somou o total de sete ouros, sete pratas e cinco bronzes no World Series.

“A seleção brasileira teve uma participação muito boa e assertiva, com excelentes resultados. Muitos atletas nadaram bem. Além disso, foi um teste para competições mais longas. Tivemos um programa extenso de provas e nos planejamos de maneira multidisciplinar”, declarou o técnico-chefe da seleção brasileira de natação paralímpica, Leonardo Tomasello, em entrevista à assessoria do Comitê Paralímpico Brasileiro.

>>Read it in English: Paralympic Swimming: Brazil ends World Series with 19 medals

>>Lea en español: Paranatación: Brasil termina las Series Mundiales con 19 medallas

Edição: Fábio Lisboa

Últimas notícias