Retrospectiva 2019 - Relembre os fatos que marcaram julho

Publicado em 26/12/2019 - 06:00 Por Liliane Farias - Brasília

Em julho, mês em que o Plano Real completou 25 anos, a humanidade parou para relembrar 50 anos do homem na Lua.

O presidente Jair Bolsonaro inaugurou a primeira universidade de seu governo e sancionou com vetos a Lei Geral de Proteção de Dados.

O marco regulatório para agrotóxicos foi publicado no Diário Oficial da União e detalhado por meio de três resoluções e uma instrução normativa.

A seleção feminina de futebol ganhou uma nova técnica. A sueca Pia Sundhage assumiu o posto que era ocupado por Oswaldo Alvarez, o Vadão.

Neymar

A delegada Juliana Lopes Bussacos, titular da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, encerrou as investigações sobre as acusações de estupro e agressão feitas pela modelo Najila de Souza contra o jogador de futebol Neymar Júnior. A polícia decidiu não indiciar o jogador de futebol pelos supostos crimes.

Leia mais

Celular invadido

Depois que o ministro da Justiça, Sergio Moro; o presidente Jair Bolsonaro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) revelaram que também tiveram o celular invadido por hackers. A Operação Spoofing, da Polícia Federal, investigou o crime e descobriu que ao menos mil linhas telefônicas, incluíndo várias autoridades públicas, foram alvo dos invasores.

Leia mais

Médicos pelo Brasil

O governo lançou o programa Médicos pelo Brasil. O objetivo é a interiorização de médicos pelo país, especialmente nas regiões mais remotas e desassistidas. A prioridade é a prestação de serviços médicos na atenção primária de saúde no Sistema Único de Saúde (SUS). Uma das principais novidades do Médicos pelo Brasil é a contratação dos profissionais pelo regime de Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Leia mais

Saque do FGTS

O governo liberou o saque de R$ 500 de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Programa de Integração Social (PIS). Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, a injeção de recursos na economia deverá somar R$ 30 bilhões neste ano e R$ 12 bilhões em 2020.

Leia mais

Frete mínimo

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou as novas regras para o cálculo do frete mínimo de transporte de cargas. Mas, dias depois, a pedido do Ministério da Infraestrutura, a ANTT revogou a nova tabela do frete.

Leia mais

Brexit

Após a renúncia da primeira ministra britânica Thereza May, o ex-ministro do Exterior Boris Johnson foi eleito para assumir a liderança do Partido Conservador e, por consequência, tornou-se o novo chefe de Governo do Reino Unido.

Leia mais

Obituário

O cantor, compositor e violonista baiano João Gilberto, considerado um dos pais da bossa nova, morreu aos 88 anos, na cidade do Rio de Janeiro. A causa da morte não foi divulgada.

O jornalista Salomão Schvartzman, de 83 anos, morreu  em São Paulo. O hospital não informou a causa da morte. Schvartzman trabalhou nsa rádios Scalla Fm, Cultura FM, BandNews FM; escreveu para o jornal O Globo, na revista Manchete; e trabalhou na TV Manchete. 

O ex-presidente da Argentina Fernando de la Rúa morreu aos 81 anos em Buenos Aires em decorrência de doenças coronárias e renais. Ele ocupou o posto de 1999 a 2001.

O jornalista Paulo Henrique Amorim sofreu um infarto e faleceu no Rio de Janeiro. Amorim construiu uma carreira que vai do jornalismo impresso ao televisivo. Atuou como correspondente internacional em Nova York nas revistas Realidade e Veja. Na televisão, passou pela extinta Manchete, pela Globo, Bandeirantes, TV Cultura e Record.

O presidente da Tunísia, Beji Caid Essebsi, morreu aos 92 anos. Ele foi o primeiro presidente eleito democraticamente em 2014, três anos após a revolução que desencadeou a Primavera Árabe.

A atriz Ruth de Souza morreu aos 98 anos, no Rio de Janeiro. Ela estava internada para tratar de uma pneumonia. O último trabalho da atriz foi na minissérie Se Eu Fechar os Olhos Agora, da TV Globo, filmada neste ano. Ela foi homenageada no carnaval de 2019 pela escola de samba Acadêmicos de Santa Cruz durante desfile da Série A.

María Auxiliadora Delgado, esposa do presidente uruguaio, Tabaré Vázquez, sofreu um infarto e faleceu. Como primeira-dama, sempre se manteve discreta. O único evento oficial de que participou, representando o seu marido, foi o funeral do Papa João Paulo II, em abril de 2005.

Leia mais

Ouça na Rádio Nacional:

Edição: Juliana Andrade

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
vacina, Moderna, imagem ilustrativa
Internacional

Argentina e México vão produzir vacina da Oxford

Entrega é prevista a partir da primeira metade de 2021, em função dos resultados dos estudos da Fase 3 de testes e das aprovações regulatórias. Brasil também firmou acordo com a AstraZeneca.

Polícia Civil do Rio de Janeiro.
Direitos Humanos

Rio: operação prende suspeitos de violência contra a mulher

De acordo com a delegada Sandra Ornellas, somente em 2019 as delegacias de atendimento à mulher no Rio indiciaram 16.703 suspeitos de violência doméstica e familiar.

O jogador Guerrero, do Internacional
Esportes

Três jogos fecham segunda rodada da Série A do Brasileirão

São Paulo, Fortaleza, Internacional, Santos, Vasco e Sport entram em campo na noite desta quinta-feira pelo nacional de futebol.

 Escultura do Cristo Redentor na praia de Copacabana.
Saúde

Cristo Redentor passa por desinfecção antes da reabertura no sábado

Até agora, já foram feitas mais de 400 desinfecções em locais públicos como rodoviárias, aeroportos, estações de trens, metrôs e barcas, hospitais e unidades de saúde e asilos.

Presidente russo, Vladimir Putin, visita hospital de Moscou com roupa de proteção
Internacional

Rússia: médicos serão vacinados contra covid-19 em duas semanas

Alexander Gintsburg, diretor do Instituto Gamaleya, produtor da vacina, disse que o país planeja ter capacidade para produzir 5 milhões de doses por mês entre dezembro e janeiro.

Pesquisadores retiram soro de cavalo
Saúde

Soros produzidos por cavalos têm anticorpos potentes para covid-19

O coordenador do projeto, Jerson Lima Silva, da UFRJ, apresenta os resultados da pesquisa hoje (13) à noite, durante simpósio sobre covid-19 na Academia Nacional de Medicina, no Rio.