Coreia do Sul quer manter reuniões regulares de alto nível com o Norte

Publicado em 19/01/2018 - 07:28 Por Da Agência EFE* - Seul

O Ministério da Unificação da Coreia do Sul informou nesta sexta-feira (19) que pretende manter reuniões regulares de alto nível com o Norte, aproveitando a recente aproximação entre os dois países por causa dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang.

O anúncio foi feito em entrevista coletiva, em que foram apresentadas as linhas gerais com as quais Seul pretende reconduzir as relações entre os dois países, que estão estagnadas, com a inclusão da retomada da ajuda humanitária ao Norte.

Os países vizinhos, que permanecem tecnicamente em guerra, fizeram, no último dia 9, seu primeiro encontro formal em mais de dois anos, para discutir a participação norte-coreana nos Jogos de Inverno, que acontecerão no condado sul-coreano de PyenongChang a partir do dia 9 de fevereiro.

As duas Coreias mantiveram, desde então, várias rodadas de reuniões para acertar os detalhes da participação da Coreia do Norte nos Jogos. O Sul pretende estender esses encontros a outras áreas e celebrar de "forma regular" e de "alto nível", de acordo com um porta-voz do Ministério da Unificação.

"Seul buscará conversas setoriais com Pyongyang, assim como estreitar os laços e trabalhar para a resolução do problema nuclear norte-coreano", disse o porta-voz.

Durante a última reunião realizada quarta-feira, as duas Coreias concordaram em desfilar sob a mesma bandeira na cerimônia de abertura de PyeongChang, bem como fazer uma seleção conjunta de hóquei feminino sobre o gelo, entre outros gestos de alto valor simbólico voltados para a reconciliação.

No entanto, as duas partes ainda não conversaram sobre o pedido feito pelo Sul para organizar uma reunião, em meados de fevereiro, das famílias separadas pela guerra entre os dois países. Se a proposta for aceita pelo Norte, o encontro acontecerá na mesma data de PyeongChang.

A Coreia do Norte, que ainda não respondeu a essa solicitação, exige em troca que Seul promova a repatriação das 12 garçonetes norte-coreanas que desertaram em 2016 e que, segundo a imprensa do regime liderado por Kim Jong-un, foram sequestradas pelo país vizinho.

*É proibida a reprodução total ou parcial desse material. Direitos Reservados

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
 senador Marcos Rogério (DEM-RO)
Política

Senado  ratifica o Protocolo de Nagoia no Brasil

Documento aprovado no Senado regulamenta o acesso e a repartição de benefícios dos recursos genéticos da biodiversidade. O texto segue para promulgação.

Live da Semana - Presidente Jair Bolsonaro - 06/08/2020
Política

Pazuello diz que estados estão mais preparados para enfrentar pandemia

Ministro interino da Saúde participou de live ao lado do presidente. Mudança de protocolo do ministério foi um dos fatores que deixou estados mais preparados.

A cúpula  maior, voltada para cima, abriga o Plenário da Câmara dos Deputados.
Política

Senado aprova redução de prazos para revalidação de diplomas

O PL prevê a revalidação em prazo entre 30 e 60 dias no caso de instituições estrangeiras reconhecidas pelo Ministério da Educação e contam com um processo simplificado. 

Escola fechada por cinco dias após relatos de coronavírus.
Justiça

Justiça suspende retorno das aulas presenciais na rede privada do DF

A retomada foi autorizada na terça-feira pela primeira instância após outra decisão que a proibiu. Algumas escolas chegaram a retomar as atividades nesta quinta-feira.

Saúde

Ministério da Saúde monitora síndrome em crianças associada à covid-19

Síndrome inflamatória multissistêmica ocorre em crianças de 7 meses a 16 anos. Até agora, foram notificados 71 casos no Brasil e registradas três mortes.

Incêndio no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Divulgação/Parnaso)
Geral

Bombeiros combatem fogo na Serra dos Órgãos pelo terceiro dia seguido

Criado em 1939, o Parnaso é o terceiro parque mais antigo do país e costuma ser procurado para prática de esportes de montanha, como escalada, caminhada e rapel.