Comissão aprova diligência para visita de senadores a Lula em Curitiba

Publicado em 11/04/2018 - 17:29 Por Paulo Victor Chagas - Repórter da Agência Brasil* - Brasília

A Comissão de Direitos Humanos do Senado aprovou nesta quarta-feira (11) a formação de uma diligência para ir à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, para “verificar as condições de encarceramento” do ex-presidente Luiz Ina cio Lula da Silva. Presidido pela senadora Regina Sousa (PT-PI), que fará parte da comitiva, o colegiado tomou a decisão um dia após a Justiça negar a visita de nove governadores e senadores a Lula.

A previsão é de que os parlamentares se desloquem até Curitiba na próxima semana. Farão parte da comitiva as senadoras Ângela Portela (PDT-RR), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e Fa tima Bezerra (PT-RN), Lindbergh Farias (PT-RJ), Telma rio Mota (PDT-RR), Paulo Paim (PT-RS), Jorge Viana (PT-AC) e Paulo Rocha (PT-PA), além de Vanessa Graziotin (PCdoB-AM), autora do requerimento.

Ontem, governadores do Nordeste e dois senadores tiveram o pedido de visita a Lula negado pela Justiça. A juíza federal substituta Carolina Moura Lebbos alegou não haver “fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas” na carceragem. Nesta manhã, a Polícia Federal divulgou uma nota dizendo que o ex-presidente recebe os mesmos benefícios dos demais presos na sede da corporação no Paraná.

Plenário

Parlamentares da oposição fazem ato em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no plenário do Senado

Parlamentares da oposição fazem ato em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no plenário do Senado Jonas Pereira/Agência Senado

Repetindo a atitude de deputados na noite de ontem (10), senadores da oposição fizeram nesta tarde um ato em defesa do ex-presidente Lula durante a sessão plenária. Enquanto os parlamentares votavam uma indicação para o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o senador Lindbergh Farias pediu a palavra e fez um discurso questionando as condições de encarceramento do ex-presidente.

Enquanto o senador petista falava, membros da oposição, da Câmara e do Senado, se posicionaram em frente aos demais parlamentares, portando faixas com o rosto do petista e os dizeres "Lula Livre”.  “Estamos aqui hoje porque nós estamos tomados pela mais profunda indignação. O presidente Lula é um preso político", disse.

Apesar das críticas do senador José Medeiros (PODE-MT), o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), garantiu a palavra a Lindbergh afirmando que o Senado é uma Casa “democrática onde as pessoas podem se manifestar”. O senador petista encerrou o ato, que durou cerca de cinco minutos, pedindo que todos o acompanhassem no grito: “Lula Livre”.

“Não creio que esta Casa, tirando uma comissão externa de senadores, como foi aprovada na CDH, negue nosso direito de visitar o presidente Lula, de ver as instalações”, disse, em referência à diligência aprovada pela CDH do Senado.

*Colaborou Ivan Richard, da TV Brasil

*Texto atualizado às 18h34 para acréscimo de informações

Edição: Amanda Cieglinski

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Uso de máscara para proteção contra o novo coronavírus.
Saúde

Estado do Rio prorroga suspensão das aulas presenciais até dia 20

Prefeitura do Rio de Janeiro informou que as escolas municipais da educação infantil e do ensino fundamental permanecem sem data para o retorno às aulas presenciais.

Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera.
Internacional

OMS: covid-19 põe em risco anos de progresso em saúde nas Américas

Diretora regional da organização, Carissa Ethienne pediu aos governos que aumentem os gastos em saúde para pelo menos 6% do PIB.Para ela, média atual de 3,7% não é suficiente.

Vista geral da favela Morro Azul, na zona sul do Rio de Janeiro.
Economia

Inflação para famílias de renda mais baixa fica em 0,50% em julho

O índice é calculado com base em preços coletados em sete capitais brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife e Salvador.

O Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (LACEN) está realizando exames para identificação do novo coronavírus (COVID-19)
Saúde

Universidade de Brasília e HUB iniciam teste de vacina contra covid-19

Os primeiros que vão participar do estudo-teste são cinco profissionais da saúde que atuam no atendimento de infectados, mas não tiveram ainda a doença, informa a UnB.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Internacional

Líbano lida com devastação feita por explosões no porto

O grande número de feridos levou a uma superlotação dos hospitais de Beirute, informou a Cruz Vermelha. O presidente do Líbano anunciou recursos de US$ 66 milhões em fundos de emergência.

.Mercado , comercio, feira ,Venezuela
Internacional

Vendedores e consumidores enfrentam riscos em mercado de Caracas

No maior mercado de produtos agrícolas da capital venezuelana, as pessoas dão pouca atenção às regras de distanciamento, embora muitos usem máscaras