Witzel pede ao STF que afastamento não passe de 180 dias

Ele alega que um prazo maior contraria a Constituição Federal

Publicado em 04/03/2021 - 21:56 Por Tatiana Alves - Rio de Janeiro

O governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, pediu ao Supremo Tribunal que o afastamento do cargo de governador seja por recebimento de denúncia em processo por crime comum, instauração de processo por crime de responsabilidade ou por medida cautelar penal não ultrapasse 180 dias.

Afastado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), ele alega que um prazo maior contraria as Constituições Federal e Estadual. O relator da ação no STF é o ministro Edson Fachin.

Witzel relata que, em agosto de 2020, o Superior Tribunal de Justiça determinou o seu afastamento cautelar das funções pelo prazo de um ano. E lembra que o Tribunal Misto que analisa seu impeachment suspendeu o prazo para a conclusão do processo até que o STJ conclua a análise do depoimento de uma testemunha.

Wilson Witzel alega que a Constituição Federal prevê que o prazo máximo de afastamento do presidente da República, em caso de admissão da acusação de crimes de responsabilidade ou comuns, é de 180 dias e que a Constituição fluminense prevê o mesmo prazo para o governador.

Já o Código de Processo Penal estabelece, como medida cautelar diversa da prisão, a suspensão do exercício de função pública quando houver justo receio de sua utilização para a prática de infrações penais.

Witzel alega que, com o recebimento da denúncia, ele pode ficar afastado por mais de 180 dias em razão da renovação da medida cautelar. Outra possibilidade, segundo ele, é o afastamento por força de medida cautelar e, sucessivamente, a instauração de processo de impeachment voltado à apuração de crime de responsabilidade.

A seu ver, essa possibilidade contraria a norma constitucional, pois, qualquer que seja o motivo do afastamento durante o processo, ele não pode ultrapassar 180 dias. Assim, solicita interpretação conforme a Constituição Federal para evitar essa hipótese.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Governo zera imposto de remédio para tratamento de câncer

Também não será cobrado o imposto de importação de produtos utilizados por pessoas com deficiência, como alguns tipos de próteses endoesqueléticas transfemurais e teclados especiais para computadores e softwares.

Baixar arquivo
Geral

Crise hídrica é tema do programa Brasil em Pauta deste domingo (19)

Programa recebe o secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Christiano Vieira, para falar sobre iniciativas do governo para reduzir os efeitos da seca.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Bombeiros controlam fogo na região da Chapada dos Veadeiros, em Goiás

O incêndio começou domingo (12) no local conhecido como Vale da Lua e não chegou a atingir o Parque Nacional da Chapada. Foram queimados o equivalente a 12 mil campos de futebol.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

MPF recomenda que Funai renove portarias que protegem terras indígenas

As portarias são as únicas formas de proteção das áreas e dos povos isolados. O fim da validade dos documentos expõe os territórios ao risco de grilagens e ocupações irregulares.

Baixar arquivo
Saúde

Idosos de 84 a 89 anos podem tomar terceira dose nesta semana no Rio

Pacientes com alto grau de imunossupressão, maiores de 60 anos , também poderão se vacinar

Baixar arquivo
Segurança

Fiocruz supera 4,5 milhões de vacinas na semana

Com a entrega, a Fiocruz alcança a marca de 96,5 milhões de doses disponibilizadas ao Programa Nacional de Imunizações. 

Baixar arquivo